sábado, 29 de janeiro de 2011

Nova proposta

Olá meus amigos,

Me chamo Saymon S. Medeiros e sou um dos colaboradores do Blog Folha Cristã.

Quero convidá-los a também visitar um outro endereço virtual onde estou publicando algumas matérias sobre o mundo cristão.

http://saymonsm.blogspot.com/ É um blog onde compartilho algumas mensagens pessoais, alguns links interessantes sobre música, arte, e tudo que acontece nessa esfera "Gospel".

Ficarei muito feliz em vê-los por lá também.

Deus abençoe,
Saymon Medeiros.

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Surfando na onda de Deus


Os surfistas costumam dizer que quando estão no mar se sentem mais próximos de Deus. É essa a ideia que a organização Surfistas de Cristo reforça em Fortaleza, hoje, combinando surfe, cinema e cristianismo, no lançamento do filme Walking on Water (Andando Sobre a Água).

O longa documental relata a aventura de dois garotos que recebem convite para surfar nas melhores praias do mundo. Na viagem, eles conhecem outras pessoas e descobrem histórias que vão além do surfe, convergindo para algo divino.

O responsável pelo lançamento do filme no Ceará é o surfista e pastor evangélico Marcos Santos, o “Marquito”, 33, presidente da Missão Surfistas de Cristo Ceará (MSC). “Fazemos a combinação entre o surfe e o cristianismo”, afirma, destacando que o filme pode ajudar a mudar a imagem negativa que muitos têm dos surfistas. “Nosso objetivo é transmitir às pessoas uma mensagem de vida e de bênção no surfe”.

Juntamente com o filme será lançada a Bíblia dos Surfistas de Cristo, na qual vários surfistas dão depoimentos sobre suas experiências com Deus, intercaladas com citações bíblicas.

Fonte: O Povo / O Verbo

Obrigado Ciganos


Quando eu os via espalhados próximo ao rio, agrupados em barracas feitas de lona, com suas roupas coloridas e seus dentes dourados, a curiosidade escalava minha mente e gritava do alto dela: – O que são eles?
Eram tão diferentes de mim e de todos aqueles que eu conhecia.
Lembro-me de estranhar até mesmo o cheiro que impregnava o acampamento onde viviam. Pensava que eram de outro mundo.
Mas em um destes dias em que um filho tem a alegria de passear ao lado de quem tanto ama, os avistei novamente e não segurei a pergunta que tanto pedia para voar até os ouvidos de minha mãe.
Parei meus pés pequenos, olhei naqueles olhos de amor e disse: – Mãe, o que são eles?
A resposta foi breve, porém satisfatória. Naquela tarde passei a chamá-los de CIGANOS.
Como se algo no universo soubesse que eu havia recebido aquela informação, comecei a esbarrar com pessoas bem informadas sobre os tais ciganos, inclusive um bom amigo da então terceira série que juntos cursávamos.
Conversamos como adultos e exploramos o assunto à exaustão.
- Eles podem ler o futuro olhando nossas mãos? Indaguei intrigado e assustado.
- Sim, minha mãe disse que eles conseguem enxergar o futuro olhando nossas mãos! Confirmou meu amigo, com olhos arregalados e voz sussurrada. Foi um papo incrível.
No entanto, não acreditei nisso por muito tempo. Ainda no mesmo ano parei de me esconder toda vez que alguma Cigana cruzava o meu caminho.
Hoje. Depois de tantas estações, penso que posso aprender algo com este povo nômade e quase estrangeiro.
Continuo não acreditando que os olhos mágicos de uma mulher das barracas de lona possam ler meu futuro enquanto decifram as linhas de minha mão. Porém, admiro o quanto eles relacionam as mãos com nossa história, com a nossa vida.
Por alguma razão, que não pesquisei, eles crêem que as mãos contam histórias do amanhã. Eu – porém – acredito que as mãos contam histórias de ontem e narram os sentimentos do hoje.
Lembro-me dos poucos calos que sentia enquanto minha avó acariciava meu rosto. Suas mãos me confidenciavam o quanto trabalharam e lutaram na vida. Eram mãos tagarelas. Conheciam mil grandes episódios sobre aquela que me embalava em seu colo e não guardavam segredos. Era tão bom ouvir as mãos da minha querida avó!
Quando ela morreu fui consoladamente abraçado. Enquanto eu chorava, ouvia palavras carinhosas de gente que não imaginava o que eu sentia, mas que estava disposta a sentir tudo aquilo comigo. Não podiam me curar, mas desejavam levar sobre eles um pouco da minha dor.
Recordo-me quando alguém segurou minhas mãos.
Senti meu coração desistir de correr para minha boca e se derramar em palavras confusas e incompletas, como até aquele momento incansavelmente fazia. Ele passou a pulsar nas mãos. Era ali que ele chorava, pedia, gritava e sofria. Minhas mãos foram escolhidas para desabafar a agonia que percorria todo o meu ser e através delas eu pude experimentar o alívio de partilhar com alguém cada sentimento ferido.
Naquele instante eu sabia que através das minhas mãos alguém estava lendo meu coração e descobrindo um pouco de como eu realmente me sentia naquele “hoje” cinzento.
Não somos Ciganos. Não cremos que as mãos podem antecipar os caminhos que ainda virão. Mas somos Humanos. Podemos crer que as mãos estão prontas para cantar as melodias tristes e os acordes felizes de um ontem que não volta. Assim como estão dispostas a confessar nossos pesares e conquistas no hoje.
Enquanto escrevia aqui, lembrei-me que a bíblia já falou sobre isto, e muito bem.
Quando o Senhor desejou fazer a nação de Israel entender o quanto era amada e cuidada por Ele, deixou uma mensagem escrita em Suas mãos. Nelas ele gravou o nosso valor.
Quem não lê as mãos de Deus não tem a alegria de descobrir que nelas estão escritos os nossos nomes.

Eis que nas palmas das minhas mãos eu te gravei; os teus muros estão continuamente diante de mim. Isaías 49:16

Não despreze as mãos que se aproximam. Segure-as e esteja preparado para ler histórias e conhecer corações.

Thiago Grulha

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Um exemplo para todos: Testemunho de Vitória

Não preciso falar nada! Esta pode ganhar 1 milhão de almas!

quinta-feira, 13 de maio de 2010

As Obras da Carne

Hoje, dia 13 de maio de 2010 vou estar finalizando o estudo que iniciei na semana passada, sobre "As Obras da Carne" na Congregação da Assembléia de Deus Independente em São Cristóvão.
Não vou fazer promessa de trazer este estudo aqui para o blog, porque sei que existem uma grande probabilidade de eu não fazer isso (rsss). Então deixo a dica para todos, de estudar as obras da carne e os frutos do espírito de Gálatas 5, e como auxílio procurem o livro "As Obras da Carne e os Frutos do Espírito" de William Barclay. Uma excelente obra de estudo, uma linguagem de facílima compreensão e uma abordagem muito boa da lingua grega.

Bom estudo a todos e quem sabe numa próxima eu possa trazer parte destes estudos aqui pro blog.

Fiquem na paz!

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Los Hermanos pueden contraer matrimonio!

Enquanto isso um pouco além da tríplice fronteira, nossos "irmãos" argentinos já podem se casar entre si!

Argentina aprova casamento entre pessoas do mesmo sexo
A Argentina é o primeiro país da América Latina a adotar o casamento entre pessoas do mesmo sexo. A Câmara dos Deputados aprovou na madrugada de nesta quinta-feira o projeto encaminhado pelo Senado argentino que ficou conhecimento como casamento gay. O projeto garante também o direito de casais de mesmo sexo adotarem crianças.
Clique aqui para ler a matéria completa.

Enquanto "políticos evangélicos" e lideranças homosexuais se estapeiam pela PL122 aqui no Brasil, a Argentina se mostra "moderninha" e cai na onda GLSBHTUVXZYW... .

O estado de Santa Catarina foi na onda dos vizinhos argentinos e também entrou na festa!
O governador Luiz Henrique da Silveira sancionou, antes de deixar o cargo, a lei que institui o Dia Estadual de Combate à Homofobia, Lesbofobia e Transfobia, proposta pela deputada Ângela Albino (PCdoB).

Agora, alguém me explica!

Se "ARACNOFOBICO" é quem tem medo de aranha e não quem mata ou maltrata aranhas;
Se "GERONTOFOBICO" é quem tem medo de envelhecer e não quem mata ou maltrata velhinhos;
Se "ORIENTALOFOBICO" é quem tem medo de pessoas orientais e não quem mata ou maltrata japoneses;
Se "OFIDIOFOBICO" é quem tem medo de serpentes (Adão deve ter tido essa fobia depois do fruto proibido) e não quem mata ou maltrata serpentes;

HOMOFOBICO deveria ser aquela pessoa tem medo de homossexuais, não a que mata ou maltrata homossexuais!

Quem mata homossexual, japoneses, chineses, velhinhos, cobras e aranhas são assassinos!

E outra a BÍBLIA diz pra ODIAR o pecado e amar o pecador! Sendo assim ODEIO sim a homossexualidade :/, mas amo os homossexuais :) , porque sei que pelo poder de Cristo eles podem deixar essa vida de pecado, e concluo então que amando os homossexuais, nem eu, nem Jesus, nem Paulo, nem Moisés, nenhum de nós somos HOMOFÓBICOS, somos apenas seguidores da BOA PALAVRA DE DEUS!

segunda-feira, 3 de maio de 2010

ALERTA URGENTE! Perseguição religiosa no BRASIL!

Divulgo aqui o que já está sendo divulgado em diversos blogs critãos nos últimos dias. Um grave caso de perseguição a Cristãos por Islamicos aqui mesmo no Brasil.

From: Nilva Reis Ramos
Sent: Thursday, April 29, 2010 19:45
Subject: FW: UM PEDIDO:


Olá amigos e irmãos em Cristo,bom dia.Por favor,peço-lhes, que orem por este pedido:Leiam abaixo.

O Flávio, é meu sobrinho, e é pastor em Foz do Iguaçu-PR e foi através da atuação do Espírito Santo numa pregação dele, que o Abdalla se converteu.

Desde já agradeço-lhes.Deus abençõe a todos.

Bjss, Nilva

From: flavioecarla@…
Subject: Aumenta a perseguição na Tríplice Fronteira entre os árabes
Date: Thu, 29 Apr 2010 13:20
Quero pedir ao povo de Deus que nos ajude em oração diante da perseguição que estamos sofrendo nesse momento.

O irmão Abdallah (ex-muçulmano xiita) convertido há dois anos vem sofrendo ataques por professar sua fé em Jesus. No ano passado ele recebeu uma carta de ameaças escrita em árabe de um grupo terrorista islâmico que atua aqui na região (Foz do Iguaçu (PR) e no Paraguai). Foram ameaças de morte se permanecesse seguindo a Bíblia e adorando a Jesus. Em seguida, (duas semanas depois) ele foi agredido na rua por três homens dizendo em árabe que ele deveria parar de pregar o evangelho e voltar ao islã.

Nosso irmão Abdallah retornou ao seminário (ela está se preparando para servir ao Senhor como missionário entre seu povo) cheio de hematomas e com muitas dores no corpo por causa das agressões.

Na semana passada ele recebeu um telefonem dizendo que agora além dele, o pastor Flávio (eu) também estava na lista. No fim de semana recebi em meu celular três ligações com ameaças desse grupo. No mesmo dia eles enviaram uma carta em árabe para o Abdallah dizendo que ele poderia se considerar morto e também fizeram ligações com ameaças. O numero que me ligou é o mesmo de que o Abdallah recebeu as ligações.

No domingo passado (24/04/2010) um carro sem placa e com vidro todo preto, tentou atropelar o Abdallah por duas vezes. No dia seguinte fomos a Delegacia de Policia fazer um boletim de ocorrência e após eu deixar o Abdallah no seminário, um homem ligou pra ele dizendo: “Não adianta ir a policia! Nós vamos pegar vocês.”

Diante disso, tomei a decisão depois de orar que devemos tirar o Abdallah da cidade por um tempo.

Contamos com sua oração…

- Ore pela segurança do irmão Abdallah e pela minha (Flávio)

- Ore também por nossa filha Victória que ao ouvir essas coisas anda muito assustada e não quer ficar sozinha em nenhuma parte da nossa casa aqui em Foz. Ore por sua segurança, também de minha esposa Carla.

- Ore para que Deus nos dê força e sabedoria para lidar com essa situação.

- Ore para que o evangelho avance nessa região e por salvação de outros islâmicos aqui do Brasil.

- Ore por salvação de outros muçulmanos de todo o mundo.

Hoje a nossa cidade amanheceu com dois outdoor com versículos da Bíblia em árabe. A palavra de Deus é viva, ore para que isto toque a vida dos árabes que aqui residem.

Grato por suas orações,
Pr. Flávio Ramos
Servindo entre os árabes na Tríplice Fronteira