terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Ofensiva contra Gaza está 'na primeira fase entre várias', diz premiê de Israel

Tropas terrestres estão prontas para atacar a região dominada pelo Hamas.
Israel rejeita trégua após quatro dias de bombardeios que já mataram 360.

A ofensiva militar aérea e marítima de Israel contra a Faixa de Gaza está apenas em sua "primeira fase entre várias" já aprovadas pelo gabinete de segurança, disse nesta terça-feira (30) o premiê israelense, Ehud Olmert.

A declaração foi feita durante encontro com o presidente do país, Shimon Peres.

Ao mesmo tempo, a porta-voz militar Avital Leibovitz disse que as forças terrestres israelenses posicionadas ao longo da fronteira estão prontas para atuar contra o movimento islâmico Hamas, que controla a região palestina. Mas ele não precisou quando a ação vai começar.

O vice-ministro israelense da Defesa, Matan Vilnai, disse que Israel está pronto para "semanas de combate". E o ministro do Interior, Meir Sheetrit, voltou a rejeitar a possibilidade de trégua enquanto foguetes do Hamas continuarem atingindo o território do país.

Segundo balanço fornecido por Muawiya Hasanein, responsável pelos serviços de emergência na Faixa de Gaza, os ataques aéreos israelenses, iniciados sábado, deixaram ao menos 360 mortos e 1.690 feridos.

Retirado de G1.com.br

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Entenda o conflito na Faixa de Gaza

Israel bombardeia desde sábado a região palestina dominada pelo Hamas.
Saiba o que levou ao confronto entre israelenses e o movimento islâmico.
 
O bombardeio dos últimos três dias sobre a Faixa de Gaza foi um final violento para a trégua mal-sucedida dos últimos seis meses entre inimigos irreconciliáveis - o grupo palestino Hamas e o governo de Israel.

Os ataques já provocaram ao menos 320 mortes e deixaram 1.420 feridos em Gaza, além de dois mortos em território israelenses. Entre os mortos em Gaza, 57 são civis, segundo a ONU.

O cessar-fogo negociado pelo Egito, em vigor desde junho, foi desrespeitado diversas vezes pelos dois lados. Ele terminou em 19 de dezembro, rompido unilateralmente pelo Hamas.

O grupo islâmico acusa Israel de não suspender o bloqueio que impõe à Faixa de Gaza desde que o grupo radical assumiu o controle do território, há dois anos e meio.

O governo israelense responde que o Hamas não cumpriu a promessa de parar os ataques com foguetes contra cidades do sudoeste de Israel, nem reprimiu o contrabando de armas e explosivos para a Faixa de Gaza através de túneis na fronteira com o Egito , também bombardeados no fim de semana pela Força Aérea de Israel.

O bloqueio cria enormes dificuldades para a população de Gaza, este estreito pedaço de terra a oeste de Israel, na fronteira com o Egito.

Com apenas um quarto da área do município de São Paulo, a Faixa de Gaza tem mais de 1,5 milhão de habitantes. No futuro, este território deve fazer parte de um estado para o povo palestino.

A ONU já afirmou que as barreiras israelenses impedem o abastecimento de produtos básicos, como comida e remédios, e causam uma profunda crise humana nesse espaço marcado por pobreza e superpopulação.

Quando impõe barreiras à Faixa de Gaza, o governo de Israel, na verdade, mira o Hamas. O grupo, a maior organização islâmica nos territórios palestinos, é inimigo declarado do Estado de Israel e não aceita nem mesmo o direito de Israel existir.

Militantes do Hamas e de outros grupos armados infernizam a vida nos povoados e cidades israelenses vizinhos à Faixa de Gaza disparando mísseis caseiros, apelidados de "Qassams".

Os projéteis, de baixa precisão, têm raio de ação relativamente curto, mas o serviço de segurança israelense diz que sua versão mais recente pode atingir alvos a até 40 quilômetros de distância.

Os Qassams costumam causar mais destruição do que mortes. Só de novembro até agora, quase 500 mísseis e morteiros teriam sido disparados de dentro da Faixa de Gaza contra alvos do outro lado da fronteira. Uma pessoa morreu no sábado e outra nesta segunda feira.

Nos últimos dias, o governo israelense avisou várias vezes que não iria mais tolerar os foguetes, que causam insegurança constante entre os vizinhos da Faixa de Gaza.

Apesar da intranqüilidade e das mortes provocadas pelos palestinos, a resposta militar de Israel foi criticada inclusive pelo governo brasileiro, que considera os bombardeios desproporcionais à provocação feita pelo Hamas.

Retirado de G1.com.br

Israel declara fronteira com a Faixa de Gaza 'zona militar fechada'

Medida indica que o país prepara um ataque por terra à região palestina.
Três dias de bombardeios já mataram 310 e feriram mais de 1.400.

A área de fronteira entre Israel e a Faixa de Gaza foi declarada "zona militar fechada" pelo Exército de Israel, informou um porta-voz militar israelense nesta segunda-feira (29).

Com isso, as estradas de uma área distante entre 2 km e 4 km da fronteira ficam fechadas para os civis que não tenham salvo-condutos militares, e só moradores da região podem transitar por lá. Jornalistas também são banidos.

A justificativa é que militantes palestinos podem retaliar, lançando foguetes, os ataques israelenses ao território ocorridos desde sábado. Esse tipo de medida costuma prenunciar o lançamento de operações terrestres. O Exército de Israel concentra tropas na fronteira desde o início da ofensiva aérea.

 

 As operações aéreas israelenses em Gaza já mataram mais de 310 pessoas e deixaram ao menos 1.400 feridos, segundo Muauiya Hasanein, chefe dos serviços médicos palestinos. A Agência da ONU para refugiados disse que 51 dos mortos são civis, em uma estimativa conservadora. 

 

Ao mesmo tempo, segundo testemunhas, os bombardeios a alvos do Hamas na Faixa de Gaza continuaram nesta segunda, matando pelo menos sete palestinos, sendo seis crianças, segundo fontes médicas.

Um ataque na cidade de Jabaliyah, na zona norte do território palestino, matou quatro meninas, com idades entre um e 12 anos, da mesma família, que morava perto de uma mesquita que foi alvo dos ataques.

Outros dois menores faleceram em uma ação em Rafah, sul da Faixa de Gaza. O sétimo morto era um ativista do Hamas.

Um avião israelense bombardeou a Universidade Islâmica de Gaza, um dos redutos do Hamas, sem deixar vítimas, disseram testemunhas. Aviões de guerra bombardearam a sede do Ministério do Interior em Gaza, segundo fonte palestina.

Por outro lado, o lançamento de um foguete palestino matou um homem insraelense na cidade de Ashkelon, no sul de Israel, segundo autoridades locais. No sábado, uma mulher morreu e quatro pessoas ficaram feridas na queda de foguete sobre casa em Netivot. 

Na Cisjordânia, um palestino feriu a facadas quatro israelenses no assentamento de Modin Illit.


'Guerra sem trégua'

O ministro israelense da Defesa, Ehud Barak, disse ao Parlamento nesta segunda-feira que Israel está comprometida em uma guerra "sem trégua" contra o Hamas na Faixa de Gaza.

 Não temos nada contra os habitantes de Gaza, mas estamos comprometidos em uma guerra total contra o Hamas e seus aliados", declarou Ehud Barak.

 "A contenção que temos observado é uma fonte de força. Lutamos com uma vantagem moral. Eles disparam contra civis deliberadamente. Nós encurralamos os terroristas e evitamos, na medida do possível, atingir civis quando a gente do Hamas atua e se esconde intencionalmente em meio à população", acrescentou.

Já o negociador chefe palestino, Ahmed Qurie, disse que o processo de paz patrocinado pelos EUA está suspenso por causa das ofensivas em Gaza. "Não há negociações e não há maneira de haver negociações enquanto estivermos sendo atacados", disse a jornalistas.

A operação "Chumbo endurecido" é a mais violenta pelo menos desde a ocupação israelense dos territórios palestinos, em 1967.

A tensão cresce na região desde o fim, em 19 de dezembro, da trégua de seis meses entre Israel e o Hamas na região. O frágil cessar-fogo foi rompido unilateralmente pelo Hamas. Nos dias seguintes, houve ataques com foguetes palestinos a Israel, seguidos de ameaças de reação israelense, até o ataque iniciado no dia 27.

O enviado especial da ONU para o Oriente Médio, Robert Serry, disse à AFP que Israel permitiu, neste domingo, a passagem de 21 caminhões com utensílios médicos e grãos para a população de 1,5 milhão de pessoas do empobrecido território palestino.

Retirado de G1.com.br

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

Na época de Natal, Naldo tatua Cristo nas costas para pedir proteção


Tatuagem do zagueiro brasileiro custou R$ 9 mil

O zagueiro brasileiro Naldo, do Werder Bremem, da Alemanha, tatuou um Jesus Cristo crucificado em suas costas para pedir proteção.

- Sou muito religioso e acredito em Deus. Ele protegerá a mim e à minha família - afirma o jogador, em entrevista ao jornal "Bild".

Segundo o tablóide alemão, Naldo fez a tatuagem, que teria custado mais de € 2,7 mil (R$ 9 mil), nas vésperas do Natal.

- Ainda pretendo fazer algumas nuvens no desenho, mas vou decidir sobre isso quando voltar das minhas férias - finaliza o zagueiro, que afirmou que não sentiu dor enquanto era tatuado.

Fonte: Globo Esporte

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Abaixo a ditadura gay, o Bolsa-Boiola e o KY do Temporão

O jornalista Hugo Studart escreveu em seu blog um desabafo a respeito do investimento absurdo do ministro da saúde José Gomes Temporão na causa gay.

Leia abaixo, na íntegra, o texto de Hugo:

Abaixo a ditadura gay, o Bolsa-Boiola e o KY do Temporão

O ministro da Saúde enlouqueceu de vez. Falta verba para comprar medicamentos para hemofílicos e para bolsas de coletas de sangue. Mas Temporão mandou comprar 15 milhões de lubrificantes KY para distribuir aos gays. Vai torrar cerca de R$ 40 milhões no dia 22 de dezembro. Recentemente, o ministro mandou distribuir pênis de borracha e uma cartilha ensinando as técnicas mais prazeirosas do sexo anal. É o Bolsa-Boiola. Temporão está confundindo a defesa da liberdade de opção sexual com boa administração do dinheiro público. Sucumbiu à "Gaystapo", as patrulhas do movimento GLS. Chegou a hora de reagirmos contra as loucuras desse ministro.

O Artigo 5 da Constituição garante uma série de direitos fundamentais e inalienáveis, como a liberdade de expressão, de opinião, de credo, de organização política, etc e etc. Não fala da liberdade de opção sexual, mas acredito que devemos respeitá-la por interpretação complacente — ou por simples amor à democracia, aos direitos civis e o respeito ao próximo. Portanto, é dever do Estado proteger as minorias sexuais da discriminação e da violência. Assim como criar políticas próprias de saúde, em especial para o controle da AIDS.

Na quarta-feira 17 de dezembro, o Ministério da Saúde divulgou a última extravagância de seu ministro, José Gomes Temporão — o edital de licitação número 142/2008, para a aquisição de 15 milhões de sachês de gel lubricante à base de água, o conhecidos KY, geralmente usado para facilitar o sexo anal (leia parte do edital ao final deste artigo e a íntegra no documento abaixo).

O pregão do KY será às 10 horas da manhã da próxima segunda-feira 22 de dezembro. Tudo muito rápido, para não dar na vista. O Erário deve gastar cerca de R$ 40 milhões, calcula o funcionário do Ministério da Saúde que me forneceu o edital.

Está sendo preparado por um assessor do círculo íntimo de Temporão um outro edital semi-secreto para a compra de 1 bilhão de camisinhas. Os armazens do ministério estão neste momento abarrotados de preservativos para serem distribuídos à população. Mas Temporão decidiu comprar mais 1 bilhão de camisinhas já lubrificadas. A licitação vai sair do armário na próxima semana. Está programada para o dia 29 de dezembro, no apagar das luzes do ano. Deve consumir outro R$ 1 bilhão dos cofres públicos. Por que tanta pressa? Por que tanto discrição com o dinheiro público?

A fonte das informações acima esclarece que a única prioridade do ministro Temporão é a comunidade gay e o programa DST-Aids. Os hospitais, isso é público, estão derretendo por falta de verba. Falta dinheiro para toda a sorte de medicamentos essenciais. Neste exato instante, por exemplo, faltam nos hospitais públicos bolsa para coleta de sangue e os hemoderivados fatores VIII e IX da coagulação, essenciais para a sobrevivência dos hemofílicos. O dinheiro está sendo desviado para KY, camisinhas e pênis de borracha.

Recentemente, Temporão mandou comprar e distribuir pênis de borracha para usar em educação sexual e cartilhas ensinando as melhores técnicas de penetração anal entre parceiros do mesmo sexo. Ninguém entendeu direito o que a didática do prazer tem a ver com prevenção à Aids. Agora, ao aparecer com o pregão do KY e de outro bilhão de camisinhas, Temporão está instituindo o Bolsa-Boiola.

LEGISLANDO EM CAUSA PRÓPRIA?

Não acredito, em hipótese alguma, que Temporão esteja legislando em causa própria. Nesse caso, seria prevaricação.

Vale lembrar que Roma teve grandes imperadores bissexuais, como Júlio César e Otávio Augusto, ou mesmo homossexuais convictos, como Adriano. Também teve governantes como Heliogábalo, que usava sua condição de gay para legislar em causa própria. No poder, Heliogábalo perdeu o equilíbrio emocional, passou a se vestir de mulher até chegar ao desplante de entregar todo o poder do império a um de seus favoritos, um escravo!. Heliogábalo fez tantas loucuras usando o dinheiro público para proteger seus prazeres que ele e seu amante acabaram trucidados.

Não há nenhum indício de que Temporão esteja prevaricando. Entretanto, como Heliogábalo, ele anda muito mal assessorado. Afinal, desde quando se previne Aids ajudando os gays a praticar uma penetração anal mais prazeirosa? E não me venham com a falácia de suposta homofobia. Estamos aqui discutindo tão-somente a boa gestão do dinheiro dos nossos impostos.

GESTÃO TRANSVIADA

Recentemente, Temporão baixou uma norma mandando o SUS fazer cirurgia de mudança de sexo para os travestis. Com direito a dois anos de acompanhamento psicológico para o transsexual e para sua família, que está perdendo um filho, apesar de estar ganhando uma filha.

Falta dinheiro para transplantes. Falta dinheiro para cirurgias plásticas corretivas, como para crianças queimadas. Ninguém opta por necessitar de um coração, uma córnea, ou por deformar o corpo com o fogo. Os gays, por sua vez, insistem em dizer que o homossexualismo não seria uma distorção psicológica, mas sim uma opção, uma orientação. Se fosse uma psicopatia, então o Estado teria por dever dar tratamento. Mas é uma opção. Os travestis optaram por ser assim.

Então porque o Estado precisa pagar dois anos de tratamento psicológico para os transsexuais e seus pais? Se Temporão fosse um ministro sério, ofeceria  acompanhamento psicológico também para os pais daquele garoto de três anos que morreu baleado pela PM do Rio — cujo policial assassino dias atrás foi absolvido pela Justiça. Eles não optaram por perder o filho, morto por um agente do Estado. Eles sim, precisam de acompanhamento psicológico com dinheiro público.

MANIFESTO CONTRA A GAYSTAPO

A explicação mais plausível para essas opções de Temporão é que ele seja um ministro incompetente. Um fraco. Está sucumbindo ao lobby do Movimento GLS. Houve um tempo em que os homossexuais eram agredidos nas ruas. Depois passaram a ser apenas discriminados em seus empregos. Então surgiram movimentos em defesa dos direitos dos gays, lésbicas e assemelhados.

Organizaram as paradas gays, instituiram o tal Dia do Orgulho Gay, mobilizaram simpatizantes, fizeram lobby nos três poderes, Executivo, Legislativo e Judiciário, por direitos justos e legítimos, como plano de saúde para companheiros do mesmo sexo. Ao fim ao ao cabo, os movimentos gays deram uma enorme contribuição para a lapidação das instituições democráticas e o Estado de Direito.

Os gays mobilizados, enfim, têm sido tão importantes nesta virada de século para a afirmação dos princípios fundamentais da Liberdade, da Igualdade e da Fraternidade, quanto o movimento sindical o foi em priscas eras.

Ocorre que de uns tempos para cá, pelo menos no Brasil, o que era um movimento está se transformando numa patrulha ideológica. As campanhas contra a discriminação se transformaram em pressão para que os adolescentes assumam suas porções femininas (ou masculinas, no caso das garotas). Está virando anomalia amar homens e mulheres — agora só se pode amar "pessoas".

De vítimas, os gays estão se transformando em agressores. Se alguém acredita que ser gay não é o normal, que o normal é ser hetero, é logo taxado de homófobo. Tal qual Hitler com sua Gestapo, estão criando uma Patrulha do Pensamento, a Gaystapo.

Exagero? Homofobia? Ora, ora, lembro-me de um caso exemplar ocorrido meses atrás com o então-presidente da Eletrobrás, Valter Cardeal. Ele é o homem de confiança da ministra Dilma Roussef no setor elétrico. Pois foram pedir R$ 2 milhões ao presidente de Furnas, Luis Paulo Conde, para o patrocínio da Parada Gay do Rio de Janeiro. Conde, titubeante, até pensou em dar o dinheiro. Mas Cardeal vetou.

Ora, desde quando uma estatal elétrica tem a ver com opção sexual? Se está sobrando dinheiro em Furnas, que patrocine escolas e postos de saúde para os desabrigados das barragens e outras vítimas sociais de suas ações predatória. Isso é o certo. Que patrocinem ações de recuperação do meio ambiente — ou até mesmo ONGs ou seminários ambientais. Quem tem que patrocinar parada gay é a Johnson&Johnson, fabricante do KY do do Jontex, a Ambev ou a companhia marítima dona dos transatlânticos Eugenio C e Eugenio G.

Pois Valter Cardeal, num rasgo de sensatez, vetou a concessão da verba. Publiquei esse fato na imprensa. No dia seguinte, Cardeal foi alvo de passeadas, ameaças de processo e até de representação da Comissão de Direitos Humanos da OAB. A Gaystapo agiu rápido, implacável como os nazistas. Cardeal foi obrigado a pedir desculpas, voltou atrás e deu dinheiro para os gays. Foi um erro.

É provável que Temporão não esteja prevaricando, mas apenas sucumbindo à Gaystapo. É um ministro fraquinho, incompetente. Qualquer que seja a opção, é hora dos cidadãos que pagam impostos se manifestarem, de exigirem seriedade na gestão das verbas da Saúde. Instituir o Bolsa-Boiola é uma idéia que nem o imperador Heliogábalo teve o desplante de fazer.

Por Hugo Studart
http://www.conteudo.com.br

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

MÉXICO: Intolerância religiosa de católicos fecha cemitério para evangélicos

Indígenas da comunidade de San Nicolás, no município de Ixmiquilpan, foram impedidos, por moradores católicos, de sepultar o corpo de Otilia Coroa Chávez, falecida na madruga do último sábado, no cemitério da localidade. Ela professava a fé evangélica e foi enterrada na segunda-feira, 15, em terreno ao lado de sua casa.

O advogado do grupo de evangélicos, Guillermo Cano, acusou as autoridades de não ter capacidade de diálogo, e de permitir que um grupo de católicos mantenha o poder, pois nada puderam fazer para permitir que o corpo de Otilia fosse sepultado no cemitério local.

Após várias horas de diálogo, autoridades do governo estatal decidiram levantar-se da mesa de negociações e permitir aos evangélicos que enterrassem Otilia em terreno ao lado da sua moradia.

"O governo estatal não teve capacidade para desvencilhar o assunto da intolerância religiosa, foto registrado há quase duas décadas na comunidade de San Nicolás", denunciaram os evangélicos, segundo a agência de notícias mexicana Notimex.

Em San Nicolás existe conflito religioso há anos, ressurgido no último dia 24 de novembro com a proibição de usar o cemitério depois que os evangélicos construíram um templo que não agradou à comunidade católica.

Fonte: ALC

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Fernanda Brum emociona o Brasil e Programa Raul Gil é recorde de audiência

O Brasil parou no último sábado, 13, para assistir à participação de Fernanda Brum, cantora exclusiva da MK Music, no programa Raul Gil. Veiculado pela TV Bandeirantes, o programa foi recorde de audiência e emocionou todo o país. Cristãos ou não foram impactados com os musicais e palavras ministradas por Fernanda e também pelos depoimentos marcantes de cantores, pastores, amigos, familiares e personalidades de toda a sociedade. A repercussão foi tamanha, que foram criados tópicos pelo público em vários fóruns de debates em sites como o Orkut para registrar opiniões. Também uma multidão já se mobiliza para pedir a reprise da atração – só na comunidade oficial da cantora são mais de 170 mil pessoas cadastradas.

A presidente do Grupo MK, Yvelise de Oliveira, participou da gravação e entregou à cantora Disco de Platina pelo CD Cura-me – que foi indicado ao Grammy Latino este ano. E o público conheceu o testemunho dessa cantora, que é uma das mais queridas da música gospel e viu o carinho que tantas pessoas têm por seu ministério. Os talentos do programa Raul Gil interpretaram algumas das muitas canções importantes de sua trajetória, que foram pontuadas por depoimentos inesquecíveis. A emoção foi visível em cada participação e Fernanda Brum não perdeu uma oportunidade se quer de abençoar e ministrar sobre a vida dos cantores. André Leonno, que interpretou "Espírito Santo", por exemplo, chorou durante toda a sua participação.

Os depoimentos merecem um destaque todos especial. Além de muitos amigos e cantores gospel que estão lado a lado de Fernanda, como Aline Barros, Marina de Oliveira, Eyshila, Liz Lanne, Lilian Azevedo, PG, André e Ana Paula Valadão, muitas personalidades da sociedade deixaram lindas mensagens que comprovam o valor desta mulher de Deus. A diretoria do Grupo MK, Yvelise de Oliveira e Arolde de Oliveira, os diretores internacionais da Missão Portas Abertas, inclusive a cantora eritéia Helen Berhane, o ex-jogador Bebeto e o auxiliar técnico da Seleção Brasileira de Futebol, Jorginho, Sérgio Knust e Zé Henrique do Yahoo, os cantores Xandy, Carla Perez, Gil (ex-banda Mel), Rosana, Conrado, Andréa Sorvetão, Victor Belford e sua esposa Joana Prado, foram algumas pessoas que manifestaram publicamente sua admiração por Fernanda e seu trabalho.

O marido da cantora, Emerson Pinheiro, também fez uma linda surpresa para a esposa e o amor tomou conta do palco. Cantor e produtor, Emerson Pinheiro deu um toque todo especial à canção "Amar Você", a primeira música que ele fez para a esposa e há mais de 10 anos ainda é a trilha sonora dos corações apaixonados. A própria cantora interpretou as músicas "Coração Que Sangra" e "Aborto Não!". Com ousadia, a cantora e pastora também pregou o evangelho e falou de Jesus Cristo em todos os momentos. No final do programa Fernanda orou em rede nacional, acompanhada pelo apresentador Raul Gil, abençoando toda a nação.

Retirado de MkMusic

MÉXICO: Multa e despejo para quem deixa o catolicismo tradicionalista

Novos convertidos da comunidade 20 de Noviembre, a 40 quilômetros de Las Margaritas em Chiapas têm sido assediados por católicos tradicionalistas.

Nessa mesma comunidade, em 2003 e 2004, 14 famílias cristãs foram expulsas, tendo que se exilar no distrito de Jerusalém de Comitán de Domínguez. Somente após um ano, o governo conseguiu que as famílias retornassem.

Depois de dois anos de exílio, 90 é evangélicos puderam retornar para a cidade de 20 de Noviembre, mas suas propriedades estavam depredadas.

Trinta famílias evangélicas pregam a Palavra de Deus na região atualmente, porém, a preocupação dos católicos cresce na mesma proporção que novos convertidos.

Existe uma norma que estabelece que todos os católicos devem pertencer a uma organização chamada CIOAC. Uma lei exige que convertidos ao cristianismo fora da igreja católica devem pagar uma multa de 7 mil pesos (585 dólares) e se retirar da CIOAC, o que é considerado menos sério que ser excomungado da Igreja Católica.

A multa, porém, é uma quantia muito alta para a maioria das pessoas. Para os católicos, se você não é um católico, deve pagar um preço e ser conhecido das autoridades locais. Espera-se que as pessoas não queiram deixar a igreja Católica publicamente.

Um cristão recebeu o aviso, em 7 de outubro, de que deveria pagar a taxa, mas não tinha condições de pagá-la. Por isso, foi preso em 9 de outubro. Esse é o preço pago por aceitar a Jesus Cristo em Chiapas.

Daniel Perez Gomez, líder evangélico, esta tentando encontrar uma forma de libertar o homem preso.

Daniel foi o primeiro convertido na região e também foi expulso com outros cristãos em 2004. Um dos professores da Portas Abertas na região, pastor Antonio, está em contato com Daniel para maiores informações sobre o caso.

Oramos para que Deus, através do Espírito Santo, fortaleça os novos convertidos e os ajude a enfrentar as dificuldades.

Retirado de Missões Portas Abertas
www.portasabertas.org.br

Política internacional e Religião: Importante líder evangélico dos EUA cai após apoiar união gay

Reverendo disse em entrevista que acreditava em 'uniões civis' e que estava mudando sua opinião.

O reverendo Richard Cizik, uma voz sincera e conservadora do cristianismo evangélico na política dos Estados Unidos, se retirou na quinta-feira, 11, da Associação Nacional de Evangélicos (NAE), depois de uma entrevista para uma rádio em que defendeu união entre pessoas do mesmo sexo e disse estar "mudando" sobre o casamento gay.

Os comentários do reverendo - feitos no dia 2 de dezembro na National Public Radio - desencadearam um tumulto que levou à sua saída da vice presidência da NAE.

Uma figura permanente em Washington por cerca de três décadas, Cizik teve um papel crucial em trazer questões evangélicas para a política. Votos evangélicos foram centrais nas duas eleições de George W. Bush, por exemplo.

Mas em anos recentes, Cizik ganhou inimigos no movimento, por forçar a ampliação da agenda evangélica. Seu foco mais forte era o "cuidado com a criação", argumentando que os evangélicos têm responsabilidade com o meio ambiente, o que envolve lutar contra o aquecimento global.

O reverendo Leith Anderson, presidente da NAE, disse na quinta-feira, 11, que o grupo não está se afastando de suas responsabilidades ambientais. A saída de Cizik foi necessária, disse, pois algumas de suas respostas à rádio não correspondem aos valores da NAE.

Cizik não respondeu ao pedidos de entrevista na quinta-feira, 11. A NAE disse que o reverendo expressou arrependimento, se desculpou e "afirmou seus valores."

Anderson disse que "uma combinação de coisas" que Cizik disse na entrevista levou a esse desfecho, incluindo seu comentário sobre o casamento gay: "Estou mudando, tenho que admitir. Em outras palavras, eu diria que acredito em uniões civis. Eu não apoio redefinir o casamento em sua definição tradicional, não acredito."

Alguns evangélicos viram isso como um "tapa na cara", disse David Neff, editor da revista Christianity Today e membro do comitê executivo do NAE. "Ele parecia estar abandonando a única coisa em que os ativistas evangélicos sentiam ter feito a diferença nos últimos tempos", disse, se referindo à proibição do casamento gay em três Estados nos Estados Unidos.

Ainda, a comunidade estava desapontada pois Cizik disse ter votado em Barack Obama nas primárias do partido Democrata, disse Anderson. Cizik também deu a entender ter votado em Obama em novembro.

PS: Oremos sempre por nossos líderes, o inimigo busca traga-los...

Fonte: Estadão

Pai-de-santo diz, que pomba-gira de Madona é rainha

Pai Uzeda contou que foi recebido pela cantora no hotel.

O pai-de-santo Roberval Uzeda, mais conhecido como Pai Uzeda, saiu na tarde deste sábado (13) do Hotel Copacabana Palace, onde a cantora Madonna está hospedada, dizendo ter tido um encontro com a cantora.

Segundo Uzeda, Madonna estava de branco, com uma anágua e uma toalha branca amarrada na cabeça, junto com quatro seguranças e um tradutor, identificado como Michael.

"Ela é uma mulher de poder, que veio para mandar. Qualquer macho que se interessar por ela, se for inteligente, tem que ser obediente a ela. A pomba-gira dela é rainha", falou Uzeda ao G1.

Ele contou que jogou búzios e disse à cantora que a chuva prevista para cair na hora das suas apresentações no Rio, no domingo (14) e na segunda (15), vai ser uma "dádiva".

Segundo Uzeda, a cantora recém-divorciada perguntou sobre sua vida amorosa.

"Há três homens que ela quer ficar. E ela está escolhendo entre os três, por enquanto o coração dela está vazio", sem entrar em mais detalhes e completou: "ela é louca por sexo e grande admiradora do homem Barack Obama".

Procurada para confirmar o encontro, a assessoria de imprensa do show da cantora informou que não é responsável pela agenda pessoal de Madonna.

PS: a da Ivete Sangalo deve ser princesa...

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Descobertos em Israel frascos de perfume da época de Cristo


Arqueólogos franciscanos que escavam na cidade bíblica de Madala (atual Israel) disseram ter encontrado frascos de perfume semelhantes aos que podem ter sido usados pelas mulheres que teriam lavado os pés de Jesus.

Os ungüentos perfumados foram achados intactos, no fundo de uma piscina cheia de lama, junto com cabelos e objetos de maquiagem, segundo relato do diretor da escavação, promovida pela entidade Studium Biblicum Franciscanum, ao site Terrasanta.net.

“Se as análises químicas confirmarem, esses podem ser perfumes e cremes semelhantes àqueles que Maria Madalena, ou a pecadora citada no Evangelho, usou para untar os pés de Cristo”, disse o arqueólogo-chefe, padre Stefano de Luca.

Maria Madalena é descrita na Bíblia como uma discípula de Jesus, para quem sete demônios se apresentaram. Habitualmente acredita-se que seja ela a pecadora que tenha lavado os pés de Jesus.

“A descoberta dos ungüentos em Madala é por qualquer medida de grande importância. Mesmo que Maria Madalena não tenha sido a mulher que lavou os pés de Cristo, temos em nossas mãos ‘cosméticos’ da época de Cristo”, disse De Luca.

Madala era o nome de uma antiga cidade perto da costa do mar da Galiléia, no atual norte de Israel. Perto dali existiu uma aldeia palestina até a guerra que criou o Estado judeu, em 1948. Uma cidade israelense chamada Migdal hoje ocupa a região.

“É muito provável que a mulher que untou os pés de Cristo tenha usado estes ungüentos, ou produtos que eram muito similares em composição e qualidade”, disse o padre.

A Studium Biblicum Franciscanum participa ativamente da escavação de locais vinculados ao Novo Testamento e aos primórdios do Cristianismo na Idade Média.

Fonte: Estadão

domingo, 14 de dezembro de 2008

Pregador Luo lança álbum inspirado no Vale-Tudo

Chega ao mercado, na segunda semana de dezembro de 2008, o novo disco do Pregador Luo, do Apocalipse 16, “Música de Guerra - 1ª Missão”. Neste novo álbum temático o rapper aborda o universo do MMA “vale-tudo”, esporte do qual é fã incondicional e praticante. O disco traz 20 faixas inéditas, sendo 12 compostas exclusivamente como temas de entrada para os principais lutadores do Brasil, reconhecidos mundialmente. Foram compostos temas para: Vitor Belfort, Pedro Rizzo, Thiago Silva, Gesias Cavalcante, Cosmo Alexandre, Maurício Shogun Rua, Anderson Silva, Jorge Patino Macaco, Wanderlei Silva, Rodrigo Minotouro, Rafael Feijão e Lyoto Machida. Todos renomados lutadores no exterior, e atuantes em eventos como UFC, Cage Rage, K1 – Dream, Affliction, Pride, Elite XC etc. Além de já utilizarem os temas compostos por Luo, especialmente para eles, os atletas também treinam ouvindo outras músicas de Pregador Luo e Apocalipse 16.

Umas das músicas desse projeto, a faixa Máquina de Guerra, composta para Maurício Shogun, vazou antecipadamente na Internet, e pode ser conferida no YouTube, onde já ultrapassa a casa das 400 mil vizualizações de internautas do mundo todo.

Além dos 12 temas de entrada, foram compostas também mais 8 faixas com a mesma temática, e que não são especificas para algum lutador, e sim para todos os que se identificam com o espírito de luta, disciplina, superação, fé e força contido tanto nas artes marciais, quanto no evangelho de Jesus Cristo. O evangelho inclusive continua sendo pregado a plenos pulmões por Pregador Luo neste novo álbum. Em todas as faixas, sem exceção a fé e a crença em Deus são presentes, assim como também a ideologia contida no Cristianismo.

O álbum trás ainda, as participações de Chorão “Charlie Brown Jr.”, Deise “Fat Family” e do ministério de louvor “Trazendo a Arca”. Luo mais uma vez inova, ao fazer uso da linguagem temática do disco para propagar a palavra de Deus, claro que de uma forma um tanto quanto inusitada para muitos.

“…Sem dúvida, esse é meu disco mais pesado. Arrisco dizer até, que talvez seja meu melhor disco dentre todos os outros que já fiz! Estou muito feliz com o resultado geral e torço para que o maior número possível de pessoas compreendam o que eu quis fazer nesse álbum. Algumas pessoas talvez se escandalizem, mas meu objetivo na verdade é que as pessoas sejam influenciadas e motivadas a lutar e vencer os seus desafios. O que fiz não tem nada a ver com violência, como alguns podem vir a dizer, e sim com superação de limites e com crescimento pessoal em meio as dificuldades que a vida nos impõe!”, comenta Luo.

Fonte: Super Gospel

Fernanda Brum e Portas Abertas estarão no programa Raul Gil neste sábado

Aniversariando dia 19 de Dezembro, este ano o presente da cantora Fernanda Brum veio antecipado. A adoradora será homenageada no programa de Raul Gil, no dia 13 de Dezembro, sábado, do quadro Homenagem ao Artista.

Fernanda foi homenageada por pessoas que acompanham sua caminhada como seus pais, os diretores da gravadora MK Music: Arolde e Yvelise de Oliveira, o grupo Voices, seu esposo, o cantor e produtor, Emerson Pinheiro, cantores como Ana Paula Valadão,Rozana, pastores, missionários e amigos, como o jogador Bebeto, Jorginho, que fizeram questão de falar sobre a importância de seu ministério para o crescimento evangelho no Brasil.

Calouros do Raul Gil também interpretaram canções da pastora.

Fernanda Brum, que deu de presente ao apresentador uma Bíblia, cantou e se emocionou muito com as homenagens que recebeu. Para conferir em detalhes esse programa que vai impactar a seu coração, não perca o programa Raul Gil do dia 13 de Dezembro a partir das 15h.

Missão Portas Abertas e Irmão André

Devido o envolvimento da cantora Fernanda Brum com a Igreja Perseguida desde 2005, a Missão Portas Abertas foi convidada a emitir um depoimento sobre a atuação da irmã, gerando exposição gratuita para o ministério.

De maneira inédita, o Irmão André também participará do programa, juntamente com um clipe a respeito da Igreja Perseguida.

Essa é uma grande oportunidade de divulgar a causa dos cristãos perseguidos a milhares de brasileiros. Ajude-nos a fazer que o máximo de pessoas que ainda não conhecem a Igreja Perseguida possam conhecê-la neste sábado, 13 de Dezembro de 2008.

Serviço:
Programa Raul Gil
TV Bandeirantes
13 de Dezembro
A partir das 15h

Fonte: Super Gospel

Pai mata a própria filha em oferta a “Deus” a mando de seita religiosa

O caso aconteceu no Andulo, província do Bié(Angola), onde um homem cortou a cabeça da filha porque tinha de provar a sua devoção à seita “Teste”.

No Bié, o Instituto Nacional da Criança já denunciou a seita religiosa. A directora do INAC, Fernanda do Carmo, qualificou o crime, já julgado e condenado pelo Tribunal do Andulo, “como uma das maiores violações dos direitos humanos nesta parcela do país”.

Fernanda do Carmo disse ainda que “os membros da seita tiveram capacidade de convencer o homem de que tinha que dar uma oferta maior a Deus e essa oferta tinha que ser a criança”.

Foi assim que uma criança de quatro anos foi degolada pelo pai. A mãe da menina estava ausente do Andulo, porque tinha ido para uma comuna, onde é professora.

A Angola tem estado preocupada com o fenômeno, por isso o país deve alterar a Lei ligada à proteção dos direitos da criança.

Corrigido e adaptado de: Jornal de Angola
Via: Notícias Cristãs

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Dia da Bíblia será comemorado em Tubarão - Santa Catarina

Como já acontece à alguns anos, neste sábado(13/12/08) será comemorado na cidade de Tubarão, o dia da Bíblia.
Pela manhã haverá uma grande caminhada, com saida às 9 horas e frente ao supermercado Althof, que contará com a participação de várias igrejas evangélicas de Tubarão e da região.

Já durante a noite apresentações de teatro e shows gospel encerraram o evento.
As apresentações iniciam ás 20 horas, em um palco montado em frente a antiga rodoviária, com a peça de teatro "O CUBO". Em seguida shows de ministérios locais e também um show nacional com o Ministério AvivaH, que irá alegrar a todos com louvores no estilo pop, rock, Soul music entre outros.

O dia da Bíblia é uma realização do CONPET(Conselho de Pastores de Tubarão).


O Dia Mundial da Bíblia

O Dia da Bíblia surgiu em 1549, na Grã-Bretanha, quando o Bispo Cranmer, incluiu no livro de orações do Rei Eduardo VI um dia especial para que a população intercedesse em favor da leitura do Livro Sagrado. A data escolhida foi o segundo domingo do Advento - celebrado nos quatro domingos que antecedem o Natal. Foi assim que o segundo domingo de dezembro tornou-se o Dia da Bíblia.

No Brasil, o Dia da Bíblia passou a ser celebrado em 1850, com a chegada, da Europa e dos Estados Unidos, dos primeiros missionários evangélicos que aqui vieram semear a Palavra de Deus.


quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Bush: Evolução não chega para explicar a Criação do Mundo

O presidente norte-americano George W. Bush declarou segunda-feira que a Evolução é uma realidade científica provada, mas não é suficiente para explicar o “mistério” da Criação.

“Penso que se pode acreditar nos dois”, disse Bush em declarações à cadeia ABC, segundo um excerto de uma entrevista difundida pela cadeia.

“Penso que Deus criou a Terra, criou o Mundo; penso que a Criação do Mundo é tão misteriosa que reclama algo tão grande como um “Todo-Poderoso”, e não penso que isso seja incompatível com a prova científica de que a Evolução existe”, afirmou Bush, um cristão convicto.

Bush assumiu não ter uma leitura literal da Bíblia. “Provavelmente não. Não, não sou ‘um literalista’, mas creio que há muito a aprender”, disse.

Fonte: Jornal de Notícias

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Motociclistas pregam a fé nas estradas

A paixão pelas duas rodas e o amor a Jesus Cristo são o que movem um grupo de motociclistas pelas estradas de todo o Brasil. O Motoclube Pregadores do Caminho, o primeiro evangélico no Município, tem como propósito principal compartilhar vida e, com isso, estar integrado com os demais motociclistas.

Criado no Rio de Janeiro em 2005, o motoclube é um ministério da Igreja Batista Betânia. Há dois anos em Rio Grande, o grupo já reúne 15 membros, entre eles homens, mulheres e crianças. Isso porque um dos princípios desses motociclistas é estarem acompanhados das famílias. "Nossa intenção é estar em comunhão. Mas é importante ressaltar que não queremos impor ou empurrar Jesus Cristo para as pessoas. O evangelismo significa compartilhar vida em Cristo e é isso que queremos. Cremos que podemos abençoar as pessoas", explica o presidente do Pregadores do Caminho na região Sul, pastor Renato Vieira de Castro.

O motociclista afirma que a única diferença entre motoclube evangélico e os demais motogrupos é o viver conforme os ensinamentos de Cristo. "No mais, seguimos o principal lema dos motoclubes: Irmandade, Fraternidade, Liberdade e Lealdade. Tudo isso de acordo com a palavra de Deus", diz. Para quem imagina que isso possa ser sinônimo de preconceito, engana-se. O grupo, já respeitado entre o meio dos motociclistas, neste ano, integrou a equipe de apoio na organização do 5º Moto Praia, evento realizado pelo Motoclube Pica-Paus do Asfalto que aconteceu no Cassino de 21 a 23 de novembro. Durante o encontro, eles comemoraram aniversário de dois anos e reuniram mais de 90 motociclistas de diversos motoclubes em um jantar, com direito à banda de rock gospel.

Mas foi em meio à multidão que assistia ao show da banda Só Creedence, no Moto Praia, que o pastor se deparou com uma situação de fé e emoção. "Eu estava no show quando um casal me perguntou por que somos Pregadores do Caminho. E eu expliquei sobre o motoclube e que somos evangélicos. Então eles me disseram que também crêem em Jesus e estavam procurando um grupo que fosse como eles", conta. Logo depois, o homem chamou Castro e disse que queria pedir a namorada em noivado. "E foi ali, no meio do show, que ele tirou as alianças do bolso e a pediu em casamento. Eu orei e abençoei o noivado e a vida deles. A menina não esperava e se emocionou. Foi benção", afirma.

Além disso, os motociclistas já participaram de inúmeros eventos na região, como o 7° Moto Show do Mercosul, que reuniu mais 3 mil motociclistas em Pelotas. E hoje já se tornaram até referência. Em muitos encontros Castro é convidado a levar uma palavra, uma pregação. "Em outros casos, se alguma pessoa está com problemas me chama para conversar", garante. A próxima parada do grupo será Jaguarão. O Pregadores do Caminho foi convidado a participar do 9° Motofest em janeiro, um dos maiores encontros de motociclistas da região. "Será mais uma oportunidade de levarmos a palavra de Deus aos motociclistas", diz.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Bíblia é o livro mais lido no Brasil

Segundo os dados recentemente divulgados do tradicional estudo "Retratos da Leitura no Brasil", realizado em 2007 pelo Instituto Pró-Livro, as Escrituras Sagradas são o gênero literário mais lido no país para 45% dos leitores.

Em seguida no top 10 do gosto popular, vêm os livros didáticos (34%), romances (32%), literatura infantil (31%), poesia (28%), história em quadrinhos (27%), livros religiosos (27%), história, política e ciências sociais (23%), contos (20%) e enciclopédias e dicionários (17%).

Pela pesquisa, constatou-se ainda que as mulheres lêem mais que os homens em todos os gêneros, exceto em história, política e ciências sociais. No caso da Bíblia, seu acompanhamento é feito por 49% das pessoas do sexo feminino ante 40% do masculino. Adultos acima de 50 anos são os principais leitores do material bíblico, enquanto as crianças até do 4º ano do ensino fundamental têm maior contato com a Palavra de Deus.

Para o estudo, foram realizadas cerca de cinco mil entrevistas, em 311 municípios, de 19 estados, entre 29 de novembro e 14 de dezembro de 2007. A margem de erro da amostragem é de 1,4%.

Retirado de SBB.org.br

"Todos por SANTA CATARINA"

A Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) deslocará, nos dias 12 e 13 de dezembro, o ônibus-ambulatório Rodas do Socorro e uma equipe de voluntários na área da saúde para o Vale do Itajaí, região mais atingida pela cheia e deslizamentos no final de novembro.

Autoridades de Santa Catarina estão surpresas com a avalanche de solidariedade que chega de todos os cantos do Brasil para ajudar famílias que perderam tudo o que tinham. As contas bancárias abertas pela Defesa Civil somam 12,1 milhões de reais (cerca de 5,1 milhões de dólares).

Caminhões, trens e aviões já transferiram para armazéns ocupados pela Defesa Civil 100 toneladas de produtos de limpeza e de higiene pessoal, 1,5 milhão de quilos de alimentos, e 1,3 milhão de litros de água.

Mas o outro balanço da Defesa Civil ainda aparece em ascendente. O número de mortos subiu para 117, 32 pessoas estão desaparecidas e 45,3 mil pessoas perderam suas casas.

Como já fizeram no domingo passado, também neste segundo domingo de Adventos as congregações da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil destinarão a coleta recolhida de fiéis para a campanha "IECLB em solidariedade às vítimas da calamidade de Santa Catarina".

A SBB iniciou distribuição de material bíblico às pessoas desabrigadas e desalojadas pelas águas. O assistente de Ação Social da Secretaria Regional de Curitiba, Daniel Zimmermann, percorreu cidades atingidas pelas cheias e deslizamentos no Vale do Itajaí e norte do Estado.

Em Blumenau, Daniel esteve no abrigo junto à Igreja Católica São Paulo, onde encontram-se 400 pessoas desalojadas, que receberam Bíblias, Novos Testamentos e livretos para as crianças.O representante da SBB também visitou o abrigo junto à Igreja Cristo Redentor, da IECLB, onde vivem, atualmente, 40 pessoas.

A SBB remeteu, ainda, material bíblico para Timbó, Gaspar, Indaial e Jaraguá do Sul.

Fonte: ALC

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

A verdadeira coerência cristã

"A verdadeira coerência cristã implica progresso em conhecimento e santidade, e mudanças em teoria e prática conforme exigir a luz crescente."

(Charles Finney)

Me chamou muito a atenção esta frase de Finney, ao ler sua Teologia Sistemática (publicada pela CPAD).
Gostaria rapidamente de meditar nesta porção da palavra de Deus:

"Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor; como a alva, a sua vinda é certa; e ele descerá sobre nós como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra."
(Oséias 6:3)


A palavra de Deus é poderosa demais para o limitado conhecimento humano, cabe a nós homens, o buscar todos os dias. A caba busca conhecemos um pouco mais do Senhor, e quanto mais o conhecemos, mais somos vivificados e transformados.

A palavra é sempre única e verdadeira. Deus - e consequentemente sua palavra - é imutável.
Esta mudança declarada por Finney, não se trata de um novo cristianismo, ou de uma nova dogmática bíblica, a mudança ocorre no próprio homem, a ideologia humana que é reestruturada, através do reconhecimento da situação carnal e pecaminosa em que vive o homem.
Quanto mais perto de Deus estamos, menor nos sentimos, e concluimos que de fato, como diz as sagradas escrituras, as misericórdias do Senhor são o motivo de não sermos consumidos.

Portanto é dever de todo Cristão, ter um coração aberto para buscar ao Senhor todos os dias, e receber de Deus, amor, consolo, paz, perdão e até mesmo repreensão.

Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor.

por Wesley Souza Medeiros


terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Ataque a igreja protestante deixa pastor inconsciente

Um grupo de 20 homens tomou de assalto o local de culto de uma comunidade pentecostal, na cidade de Bhayander, em Mumbai, agredindo os presentes e deixando o pastor sem sentidos.

Os agressores gritavam palavras de ordem, disseram-se membros de um grupo de extremistas hindus e acusaram os presentes de utilizarem a igreja para levar a cabo conversões.

Vários fiéis foram agredidos, mas foi o líder da comunidade quem sofreu o pior das represálias. Felix Fernandes foi despido e espancado até perder os sentidos, sendo posteriormente abandonado nas ruas da cidade. Tudo isto teve lugar a escassos metros do posto da polícia local.

Eventualmente a polícia chegou e os atacantes dispersaram. Posteriormente foram feitas 20 detenções. Mas os objectivos do grupo já teriam sido alcançados, segundo Monsenhor Percival Fernandes, da Igreja Católica de Mumbai: “Estas acções têm um só objectivo, espalhar o medo e a ansiedade entre as pessoas e as comunidades atacadas”

Entretanto os Bispos do Estado de Orissa, juntamente com os restantes membros da Conferência Episcopal da Índia, fizeram um novo apelo em prol dos cristãos refugiados naquele estado, que tem sido o mais duramente atingido pela purga que decorre desde Agosto.

Segundos os Bispos, o número de pessoas nos campos está a diminuir, não por qualquer melhoria na situação geral, mas porque estão a imigrar para outros distritos mais seguros.

“Os cristãos de Kandhamal perderam toda a confiança nas autoridades e sentem que os seus direitos fundamentais foram esmagados por este governo”, afirmam os prelados.

Fonte: Radio Renascença

Bíblia é inapropriada para adolescentes, diz escritor

Ao ser questionado se a doença mudou a sua percepção de Deus, o escritor José Saramago, 86, que participa da sabatina da Folha hoje, perguntou “por que mudaria?”, acrescentando que foram os médicos e a sua mulher que o salvaram.

O evento é parte da comemoração dos 50 anos do caderno Ilustrada. Saramago, detentor do único prêmio Nobel concedido a um autor de língua portuguesa, é sabatinado pela jornalista Sylvia Colombo, do caderno Ilustrada, por Vaguinaldo Marinheiro, secretário de redação da Folha, por Manuel da Costa, colunista da Ilustrada e por Luis Costa Lima, colunista do caderno Mais!.

“Por que precisamos de Deus? Nós o vimos? A Bíblia demorou 2000 anos para ser escrita e foi redigida por homens”, declarou.

Ainda disse que a Bíblia é um “desastre”, cheia de “maus conselhos, como incestos, matanças”.

Saramago também afirmou que foi o homem quem inventou Deus, o Diabo e o purgatório, que “hoje está desqualificado”.

Ele ainda voltou a criticar a Igreja, afirmando que ela inventou o pecado para controlar o corpo humano. “O sonho da Igreja é transformar todos em eunucos, quer dizer, os homens, porque as mulheres não podem ser eunucas”.

Fonte: Folha Online