segunda-feira, 4 de agosto de 2008

China aperta liberdade de expressão dos estrangeiros

CHINA - O Comitê Olímpico Chinês divulgou uma lista de proibições válida para todos os visitantes neste mês. Quem usar símbolos religiosos e políticos ou comer carne de cachorro será detido.

Pessoas que gostam de usar pulseiras tibetanas ou imitar Richard Gere e dar um arroto depois de comer um bife mal passado de carne de cachorro, estarão proibidas de entrar na China.

Estas são algumas das dezenas de proibições impostas pelo governo chinês aos estrangeiros que visitarem o país durante os Jogos Olímpicos, que começam no dia 8 de agosto.

O documento de nove páginas colocado on-line pelo Comitê Organizador dos Jogos de Pequim – intitulado “Guia da lei chinesa para os estrangeiros que virão durante a Olimpíada”, apresenta em 57 tópicos todos os comportamentos considerados impróprios pelo regime comunista.

Como dormir na rua, participar em manifestações, usar roupa ou acessórios com slogans políticos e religiosos ou visitar “certas regiões” da China. Um exemplo é o Tibete, que foi considerado “fora dos limites”, especialmente para os jornalistas.

Desta forma, o governo procura minimizar o impacto das manifestações pró-Tibete que, inevitavelmente, irão ocorrer durante agosto em Pequim.

Entraves e burocracia

Nos últimos meses, o Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês tem criados vários entraves à emissão de autorizações de entrada ou permanência a cidadãos estrangeiros.

Todos os visitantes que ficarem na casa de residentes chineses em zonas urbanas têm que se apresentar às autoridades 24 horas depois da sua chegada. E, no caso de ficarem em áreas rurais, 72 horas.

Ainda assim, o governo chinês espera a chegada de 500 mil pessoas até dia 28 – data do final dos Jogos Olímpicos.

Fora da polêmica, mas sempre perto dela, está o presidente do Comitê Olímpico Internacional, Jacques Rogge. Ele mantém válidas para hoje as mesmas afirmações que fez em abril: “A liberdade de expressão é algo de absoluto.”

E acrescentou, prevendo que estas restrições se estendessem também aos participantes: “É um direito humano. Os atletas têm-no.”

Segundo o mesmo guia, estão ainda proibidos de entrar na China, ladrões, prostitutas, traficantes de droga e todas as pessoas com “doenças mentais”.

O lema dos Jogos Olímpicos deste ano é “Um mundo, um sonho”.

Proibições aos visitantes:

- Dormir ou arrotar na rua, pois o governo pretende “manter a higiene pública e a imagem cultural das cidades”

- Promover ou participar de manifestações públicas

- Usar camisetas ou acessórios com palavras ou símbolos políticos e religiosos

- Queimar, pisar ou insultar a bandeira chinesa

- Todos os materiais que sejam prejudiciais à política, economia, cultura e moral chinesas


Fonte : Portas Abertas

Casal é preso por fotos de filho com arma e cigarro

TERESINA - Os pais de um bebê de dois anos e dois meses, que foi fotografado por telefone celular com cigarro na boca e revólver na mão, Samara Élita Pereira da Silva, de 23 anos, e George da Luz, de 22 anos, foram presos na Delegacia da Criança e do Adolescente, em Teresina, capital do Piauí.

As fotos e o vídeo da criança imitando ações violentas e de vício foram encontradas no celular de Samara Élita, na última quarta-feira, quando ela foi presa com o atual namorado, Cláudio José Correia Leite, de 18 anos, por suspeita de tráfico de drogas.

Numa das fotos, o menino aparece no colo dele, com um cigarro na boca. Em outras duas, aponta um revólver calibre 38 para a câmera do aparelho e usa uma corrente grossa semelhante aos dos cantores e músicos de rap.

Samara Élita, que foi liberada após a primeira detenção, admite que as fotos foram feitas com seu telefone celular, mas não por ela:

- Eu vi que estavam fotografando, mas não percebi a gravidade.

A criança estava desde a manhã de sábado na casa da avó paterna. O pai, George Luz, disse não ter responsabilidade pelo ocorrido:

- Não moro mais com a mãe de meu filho.

A juíza Maria Luíza Freitas determinou que a criança fosse encaminhada para o Lar da Criança, orfanato mantido pelo governo do estado.


Fonte: O Globo Online

Evangelismo na Eurocopa 2008 e Olimpíadas

Uma grande oportunidade de evangelização aconteceu durante a Eurocopa 2008. Com exibições do DVD "O Prêmio" e distribuição de folhetos.
O Tajiquistão, por exemplo, que é um país pequeno na fronteira com o Irã e o Afeganistão organizou o projeto Telona. Durante o torneio de futebol, líderes europeus transmitiram quatro vezes "O Prêmio" em pequenas localidades do país. O resultado disso foi um Family Games.

Além disso, com os Jogos Olímpicos na China portas se abrirão para a proclamação do Evangelho não apenas na China, mas também na Europa Oriental, Federação da Rússia e Ásia Central. Como parte do Projeto  "Mais de Ouro" 250 igrejas na Ucrânia, na Rússia e na Ásia Central estão prontas para distribuir 45.000 DVDs "Luta e Triunfo"  (www.struggleandtriumph.com) e folhetos durante agosto.

Por favor, orem por essas iniciativas e peça a Deus que abençoe essas igrejas providenciando recursos e uma boa distribuição do material de evangelismo.

Retirado de AtletasdeCristo.org / Divulgação FolhaCristã.blogspot.com

Templários processam papa Bento 16 por suspensão da ordem em 1307

A Ordem Soberana do Templo de Cristo, que afirma ser a herdeira dos míticos templários, apresentou um processo contra o papa Bento XVI, a quem exigem a reabilitação da ordem, suspensa por Clemente V, em 1307.

templars Também pedem o reconhecimento de seus bens apreendidos avaliados em 100 bilhões de euros (US$ 155 bilhões).

A ação, apresentado em um tribunal de Madri contra o pontífice através da Nunciatura Apostólica na Espanha, solicita a revisão do processo, que terminou com a suspensão da ordem templária há 700 anos.

A denúncia é formulada contra a pessoa física do papa Bento XVI como sucessor de Clemente V, e não como chefe de Estado do Vaticano, e deixa claro que os atuais templários não desejam a restituição patrimonial dos espólios no século XIV, que atualmente alcançariam os 100 bilhões de euros.

"Não pretendemos em nenhum caso causar a falência da Igreja Romana", acrescenta o documento, "mas o tribunal pode ter uma idéia da magnitude da operação tramada contra nossa ordem".

Segundo a Ordem Soberana do Templo de Cristo, legalmente inscrita no registro de associações, os templários tinham recenseadas 9 mil propriedades em toda a Europa, sem contar os direitos sobre terras, pastos, moinhos e direitos portuários, inclusive navios de transporte e de guerra.

No século XIV, os templários, que contavam com mais de 15 mil cavaleiros em toda a Europa, tinham propriedades na França, Inglaterra, Portugal, Espanha, Alemanha, Itália, Bélgica, Luxemburgo e Polônia.

O processo ainda aguarda a resolução do recurso de apelação apresentado pela Ordem do Templo perante a Audiência Provincial de Madri, depois de não ter sido aceita em primeira instância.

Em seu primeiro auto, a juíza encarregada do caso rejeitou o caso por falta de jurisdição, ao entender que não correspondia a seu tribunal se pronunciar a respeito de acontecimentos de 700 anos atrás, "por ser assunto próprio de historiadores".

Será o inicio de uma "nova era"?

Retirado de Yahoo! Notícias