segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Cadáver pede copo d'água na hora da autópsia

Indiano de 19 anos foi dado como morto depois megatumulto no templo. 'Acordei com a garganta seca no meio de vários corpos', lembra o rapaz.

Mange Ram, de 19 anos, perdeu a consciência depois de ser atropelado por uma multidão apavorada quando teve início um monumental tumulto no templo hindu de Naina Devi, na Índia, no dia 3 de agosto (domingo).

"Quando acordei, estava no meio de uma fileira de corpos esperando pela autópsia", disse Ram, ainda meio assustado, ao "The Times of India". "Minha garganta estava seca e eu pedi água. De repente, os médicos e enfermeiros do hospital Anandpur Sahib vieram pra cima de mim com cara de atordoados", lembra o rapaz. "Eles devem ter se espantado ao ver um homem morto voltar à vida desse jeito."

Na confusão, Mange Ram foi ensacado e enviado ao hospital, a 18 quilômetros do templo. Voluntários despreparados convocados para ajudar a pôr ordem na casa não perceberam que ele só estava desmaiado.

(Fonte: G1)

Extremistas matam professor cristão na Somália

Extremistas islâmicos atiraram e mataram um ex-muçulmano convertido ao cristianismo no último dia 10 de julho, em Afgyoye, na Somália. O nome da vítima era Sayid Ali Sheik Luqman Hussein e ele tinha 28 anos.

De acordo com a Internacional Christian Concern (ICC), no dia 8 de julho, dois homens muçulmanos chegaram até Sayid Hussein e lhe perguntaram se ele se dirigia para Meca quando rezava (Maomé ensinou que os seguidores dele deveriam se voltar para a cidade de Meca sempre que fizessem suas rezas).

O rapaz lhes falou que, como era cristão, não tinha que se voltar para uma direção específica na hora de orar porque Deus é onipresente.

Dois dias depois os homens voltaram, desta vez, armados com um rifle AK-47 e uma arma semi-automática e atiraram em Sayid Hussein até a morte.

Ao saber da notícia, a esposa do cristão, grávida, entrou em trabalho de parto prematuro e acabou perdendo o bebê.

Vida frutífera

Sayid Hussein entregou sua vida a Cristo em 2004. Ele cresceu na fé e começou a evangelizar na comunidade onde trabalhava como professor. O pastor dele o descreveu como o evangelista mais ativo e efetivo na região.

Um dos alunos dele disse que Sayid foi o homem mais religioso que ele encontrou na vida.

Recentemente, extremistas islâmicos intensificaram os ataques contra cristãos na Somália. Nos últimos nove meses, cinco cristãos foram mortos por causa de sua fé. Os demais mortos são: David Abdulwahab Mohamed Ali, Da"ud Ali, Mohamed Yusuf e Hassan Mo"alim.

"Os somalis estão pagando o preço pela fé deles em Jesus Cristo. Apesar da perseguição, eles escolheram confiar em Deus e no Senhor Jesus Cristo ao ponto de morrerem. Por favor, orem e apóiem nossos irmãos somalis”, disse Jonathan Racho, da ICC para a África.

PS: A todos os cristãos, peço que orem pelos homens e mulheres que estão se colocando a disposição do reino para pregar o evangelho pelo mundo. E que casos como este, sirvam para que cada vez mais pessoas conheçam a Cristo como seu único salvador.

Retirado de Missões Portas Abertas
www.portasabertas.org.br

Deus pode confiar em você?

Você já deve ter parado para se perguntar: “Será que realmente confio em Deus? Estou entregando verdadeiramente minha vida ao Senhor, ou muitas vezes entrego, mas logo em seguida tomo de volta os meus problemas?”

Buscando respostas na Palavra, é certo que as encontraremos facilmente. Sabemos que podemos contar com Deus por tudo que Ele fez por amor a cada um de nós. Muitos personagens bíblicos provaram da fidelidade do Senhor naqueles tempos. A Palavra é clara e demonstra, tanto no Velho como no Novo Testamento, as verdades de um Deus zeloso, justo e misericordioso para com aquele que confia os desígnios de sua vida a Ele. Não só naqueles dias, como hoje, o Senhor honra seu compromisso em cuidar de tudo que deixamos em suas mãos, de tudo o que abandonamos sob o cuidado dele.

Sabemos dessas verdades, mas também estamos cientes de que uma relação de confiança requer um sentimento mútuo entre as partes. À luz desta verdade, uma outra pergunta precisa ser feita: “Você confia em Deus, mas e Deus, pode confiar em você?”

Estava refletindo a respeito de minha confiança em relação a Deus e subitamente me veio ao coração esta pergunta, nitidamente revelada por Deus: “Posso confiar em você?” Confesso que parei por um instante e analisei o que tenho feito para merecer a confiança de Deus, e pude entender que ainda há muito por fazer.

Gostaria de propor esta análise a você e te convidar a fazer esta reflexão. O que você tem feito para construir esta relação de confiança? Você tem demonstrado que Deus pode contar contigo e que há fidelidade em seu compromisso para com Ele? O Senhor pode confiar em suas mãos o serviço santo para construção do seu reino? Você verdadeiramente tem buscado, por meio de suas atitudes, inspirar a confiança do Altíssimo?

Muito o Senhor tem a nos confiar, seja nas pequenas como nas grandes coisas. Seja dentro de nossas casas, em nosso ministério ou realizando grandes feitos em seu nome não só em nosso bairro, cidade, mas até mesmo pelo país, pelas nações. 

Precisamos nos tornar cientes de que toda nossa confiança depositada em Deus é fielmente correspondida, se verdadeiramente abandonarmos nossa vida, os nossos problemas nas mãos dele. Mas precisamos refletir se a confiança que Deus deposita em nós para a construção e propagação do seu reino aqui na terra está sendo correspondida com esta mesma fidelidade.

Estejamos atentos ao que Deus espera de nós. Muitas vezes a nossa sede em encontrar, na fidelidade do Senhor, respostas imediatas para nossas orações, não nos permite parar para pensar neste aspecto tão importante e precioso na construção de um relacionamento íntimo com o nosso Deus. Ele quer nos confiar mais de seus planos, quer nos tornar verdadeiros agentes e legítimos membros do Corpo de Cristo. Precisamos apenas nos dispor e demonstrar nosso desejo em servi-lo com empenho e fidelidade.
Ele quer mais de mim e de você!

Retirado de Lagoinha.com / Escrito por Ana Cláudia Mara