quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Suposto caso com fiel afasta padre de igreja em Recife

A Igreja Católica, em Pernambuco, testemunhou mais um conflito entre o arcebispo da Arquidiocese de Olinda e Recife, Dom José Cardoso Sobrinho, e um sacerdote.

O padre João Carlos de Santana, do bairro Água Fria, em Recife, é acusado pelo arcebispo de ter mantido relacionamento amoroso com uma freqüentadora da igreja. Por conta disso, ele foi afastado.

Segundo a Arquidiocese, o sacerdote estava proibido de celebrar missa e outras liturgias desde janeiro desse ano. Ele foi aconselhado a deixar a paróquia.

Como não seguiu a orientação, ele foi surpreendido, na terça-feira, com execução de mandado de reintegração de posse e teve que deixar a igreja.

Católicos fizeram protesto, pedindo permanência do padre. Ele disse que não tem mais condições de continuar exercendo seu ofício:

- Não dá para trabalhar desmoralizado e sofrendo campanha difamatória - reclamou.

Desde que assumiu a arquidiocese, o arcebispo já exonerou cerca 20 padres.

Retirado de: O verbo